mp

sexta-feira, abril 14, 2006

O livro dos recordes

Agora todas as aldeias, associações recreativas e grupos de amigos do nosso Portugal querem arranjar uma razão, por mais idiota que seja, para entrar no livro dos recordes Guinness. Começou com o logotipo humano para o Euro 2004 e foi descambando para a maior murcela do mundo, a maior procissão com velas ou a maior refeição em pratos de plástico servida por anões albinos vindos da lapónia.

Será que estamos assim tão necessitados de afirmação nacional?

1 Comments:

Blogger Leididi said...

lolllllll anõs albinos vindos da lapónia é mt bom!!

12:11 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home